Cá estou eu de volta ao trabalho, garanto que não há paciência, muito menos depois de me ter levantado às 5:30. Hoje foi dia do exame de Análise III, espero que tenha sido desta, embora o primeiro tempo tenha corrido melhor que o segundo, no final, fiz mais do que alguma vez fiz num exame de análise, a questão é, no meio de tantas dúvidas haverá alguma certeza? A ver vamos quando a nota sair.

Era fixe ter conseguido passar às duas cadeiras que me faltavam para acabar o curso, mas acho que desta vez não me safo com tal sorte. A ver vamos, certo, certo é que vou implorar pela positiva caso chegue a isso! Se ao menos o TFC não estivesse atrasado, pela conversa que tive com o meu coordenador só mesmo para Dezembro é que vamos ter o módulo pronto!

Agora me recordo que em tantos post, nunca comentei nada sobre o meu Trabalho de Fim de Curso, aka TFC, o enunciado original passava por um sistema de resposta automática a emails, claro dentro de um universo específico, blá,blá! A coisa tornou-se de tal forma complicada que o trabalho hoje é desenvolver o módulo de reconhecimento de intenções em frases. Explicando melhor, um tipo chega a uma máquina e diz: “Quero um bilhete para o Porto” e ao que a máquina deveria responder (falando claro!!) “A que horas?” ou “Com partida de onde?”, etc. A ideia é extrair a intenção que um dado utilizador tinha ao proferir a dita frase! Parece simples, não é? Pois de simples não tem nada! :b

Aqui no trabalho, continua tudo na mesma, pelo menos assim parece… ando meio sem paciência, tenho saudades de quando trabalhava com o Zenuno, sinceramente não consigo perceber porque é que deixamos de trabalhar, é certo que o trabalho não era tanto, mas ainda assim fazia algo que gostava, e isso nunca se deve por de lado… Raios… voltei agora de férias e já estou pronto para voltar a ir de férias… agora só falta mesmo é ter os dias! 🙂