Hoje recebi um telefonema perturbador, é verdade que era uma excelente
proposta, mas por outro lado ouvi algo que me lixou. A parte boa do
telefonema é que fui convidado a escrever para os Sadinos – um blog colectivo sobre a
cidade que me viu nascer… Porra há tanto para escrever que nem sei por
onde começar, é um facto que tentei em tempos com um amigo iniciar o Setúbal Digital, mas a
coisa não foi além de dois post’s, foi pena, mas ficou a ideia! Por isso
vou agarrar este convite, até porque um grupo de ilustres (hehe) dá sempre
outra dinâmica à coisa!

A frase que me lixou foi “já percebi que o teu blog já era….”

Bem aquilo deixou-me de rastos, é verdade que os posts andam como a chuva,
faz semanas que ninguém a vê, mas este blog é assim de tudo um diário
que eu escrevo para mim, é um facto que decidi torná-lo público, está na
net, podem lê-lo, mas acima de tudo é fixe ouvir a nossa mulher dizer:
hoje tive a ler a tua entrada daquele dia especial há uns anos atrás…
esse é o motivo porque o escrevo, por já me esqueci de tanta coisa que
não queria ter esquecido, se ao menos tivesse escrito ajudava! Pelo menos
até alguém inventar um upgrade de memória para humanos, eu sempre quis
ter uma porta série na nuca! Hehe!