Há dias assim…

Depois da alegria de ontem, estava fadado que hoje teria de ser assim…

Ontem fiz um post original no Sadinos: “1001 ideias para Setúbal“. Vi a ideia pela Net há algum tempo atrás, consistia em publicamente construir uma lista de ideias que gostássemos de ver implementadas na nossa cidade! Não imaginava que a ideia ia ser tão mal recebida, se imaginasse talvez não tivesse escrito, mas escrever algo como um blog, tem destas coisas, e além disso há sempre os dois lados da moeda, os que gostam e participam, e os que acham que são em tudo superiores a essas coisas e criticam, temos que viver com eles, certo? Foi um dia inteiro a ler comentários e a conter-me a responder à letra! Estranho mundo em que vivemos…

Uma manhã inteira sem fazer puto no trabalho, porque alguém para variar lixou a porra de uma tabela de sistema! Almoçei com o Raposo e com a Paula na Gulbenkian e deu-me energia para levar a tarde melhor, até nem estava a correr mal, até que a nossa, já meio desaparecida directora resolveu fazer-nos uma daquelas visitas de improviso para checar a listinha de coisas que andam a ser feitas. Até aqui tudo, bem, até gosto que ela faça isso, ao menos ficamos com um quadro mais geral do trabalho do departamento, não gostei foi quando a coisa pintou para o meu lado, e perante dúvidas se eu estaria ou não “behind schedule” o meu chefinho se sai com uma preciosidade: “pois, ele teve umas férias não programadas, e talvez por isso esteja atrasado…”! Um show! Gostava de saber onde é que fica o resto das coisas que eu estou à espera que outros definam, implementem e o raio que os parta, e que pura e simplesmente me impedem de acabar o que tenho em mãos ficou! No éter, de certeza… lá está, se for preciso lixar alguém, lixa-se os novatos! Não vão os prémios deles descer… enfim, é como se trabalha por cá!

A parte pior veio ao final do dia, o Paulo Simões (Autor do Sadinos) ligou-me, parece que tinha feito alguns comentários a outras entradas do blog em meu nome que parece ter ferido algumas susceptibilidades entres os restantes autores, fiquei sem saber o que dizer, principalmente porque não me recordava do que podia ter dado asus a essa sentimento, enfim, desatei a ler o que tinha escrito por lá, fiz um post que espero que ajude a clarificar algumas ideias, espero sinceramente que ajude, visto gostar do resultado final das nossas participações conjuntas, enfim…

Ainda por cima estou doente, constipado ou lá o que é, por isso posso mesmo gritar:

BAD FU…. FRIDAY!