Primeiro e já um aviso à partida, quem não experimentou não comenta já, a menos que seja para pedir para experimentar e depois eu deixo-vos dizer mal! Foi assim comigo e só para garantir que ninguém diz disparates!

Agora o resto… É verdade, eu e a Patrícia perdemo-nos completamente e já temos a primeira de duas Segways!

Segway i2

A história e para quem não sabe o que é uma Segway, de forma muito simples a Segway é um Human Personal Transporter. Um nome futurista e que vos garanto que no nosso tempo de vida ainda há-de vir a dar muito que falar! A Segway faz parte dos meus sonhos desde do momento em que o Dean Kamen apresentou o seu projecto “Ginger” que mais tarde adoptaria o nome comercial de Segway. Achei a loucura, queria experimentar, mas não foi fácil! Demorou uns anitos, ela teve mais sorte que eu e experimentou uma x2 há uns meses atrás.

De fim-de-semana no Porto, enquanto procurava um guia sobre o que visitar, descobri os passeios do Santiago e Mariza, mas confesso-vos que no meu intimo, não espera um tempo tão bem passado! Foram 3 horas FANTÁSTICAS. Se não se querem meter em despesas, o melhor é não experimentarem! Todos os outros, acrescentem nas vossas listas de coisas para fazer antes de morrer e comecem a poupar!

É cara, porra é muito cara, mas nesta vida nem tudo pode ser mau e desgraça, e por vezes, há que investir em algo que realmente mexe connosco, que nos faz felizes, que nos move de alguma forma! 😉

Bem, aceitam-se pedidos para experimentar, a sério! Por tudo aquilo que vale a experiência garanto-vos como amigo que tenho todo o gosto em vos ajudar na primeira viagem, com as seguranças todas activas, capacete e afins! 😉

Próxima etapa? Conseguir usá-la no dia-a-dia para o trabalho, envolve o transporte até ao comboio, viagem de comboio e perceber no trabalho onde me deixam guarda-la! 😉